Hospital Campo Limpo ganha dois novos tomógrafos

Novos equipamentos ampliarão a capacidade de atendimento em até 50% na Zona Sul

A melhora da qualidade das imagens e a possibilidade de fazer exames mais sofisticados são alguns dos benefícios. (Crédito: divulgação).

A melhora da qualidade das imagens e a possibilidade de fazer exames mais sofisticados são alguns dos benefícios. (Crédito: divulgação).

A Prefeitura de São Paulo instalou dois novos tomógrafos no Hospital Municipal do Campo, na Zona Sul da capital. Os equipamentos, com tecnologia de ponta, estão disponíveis para exames mais complexos desde meados de julho. Em menos de um mês, 1.300 pacientes já foram atendidos e a expectativa é que os aparelhos aumentem a capacidade de atendimento na unidade em até 50%.

Os equipamentos vão ampliar o potencial operacional da unidade. A melhora da qualidade das imagens e a possibilidade de fazer exames mais sofisticados são alguns dos benefícios. Graças à tecnologia mais avançada que corrige borrões, também permite fazer exames em pacientes com próteses metálicas. Já o túnel Gantry de 78 cm atende com mais conforto pacientes obesos ou claustrofóbicos, além de idosos, politraumáticos e pacientes com limitação de movimentação (cadeirantes).

Os funcionários da unidade passaram por treinamento técnico, a fim de utilizar todos os recursos disponíveis. Os dois tomógrafos funcionam 24h por dia na unidade, o que garante maior agilidade na prestação de serviço.

O Hospital Municipal do Campo Limpo é referência dos distritos de Capão Redondo, Vila Andrade e Campo Limpo, atendendo uma média de 670 mil habitantes. Também atende pacientes dos municípios vizinhos de Itapecerica da Serra, Taboão da Serra e Embu das Artes.

Notícia publicada em: 6 de setembro de 2020

Notícias, Saúde, Serviços

]