Aberto edital para confecção de máscaras reutilizáveis

Equipamentos serão distribuídos a pessoas em vulnerabilidade social e servidores municipais

As inscrições estarão disponíveis até o fim da pandemia do coronavírus.

A Prefeitura de São Paulo abriu um edital para selecionar microempresas, empresas de pequeno porte, microempreendedores individuais e cooperativas para a confecção de 1 milhão de máscaras de algodão dentro do programa Costurando pela Vida. 

Com um orçamento de R$ 3 milhões disponíveis para investir nas empresas, o objetivo é que os equipamentos produzidos sejam distribuídos a pessoas em situação de  vulnerabilidade social e aos servidores municipais que fazem atendimento ao público, se colocando na linha de frente no combate ao coronavírus. A estimativa é que cada máscara tenha um custo final de até R$ 3.

Os editais abertos pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho também estão dando a oportunidade de qualificação profissional à população. Nesta semana, a Fundação Porta Aberta que aderiu a iniciativa fez a formatura de 13 costureiras que passaram por formação na área, além de receber orientação sobre empreendedorismo e geração de renda.

As inscrições estarão disponíveis até o fim da pandemia do coronavírus e os interessados deverão enviar os documentos solicitados no edital para o e-mail trabalhosp@prefeitura.sp.gov.br informando também a quantidade mínima e máxima de máscaras que poderão fornecer.

Notícia publicada em: 25 de agosto de 2020

Economia, Notícias, Saúde, Serviços, Sustentabilidade, Trabalho

]