25 mil unidades habitacionais serão entregues em 2020

Covas investe pesado em ações minimizam espera de quem precisa de habitação na cidade

Bruno Covas entrega conjunto habitacional na cidade de São Paulo (Crédito: SEHAB)

Bruno Covas entrega conjunto habitacional na cidade de São Paulo (Crédito: SEHAB)

O número de habitantes vem crescendo a cada ano no mundo inteiro e a moradia é direito universal de cada um. Garantir esse benefício é uma das prioridades da gestão Bruno Covas. Por isso a Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Habitação, tem investido pesado em ações que visam minimizar a espera daqueles que precisam de habitação na cidade.

Para o Programa de Metas da Habitação, a atual gestão prevê a construção ou reforma de 25 mil unidades habitacionais por meio dos projetos Casa da Família e Locação Social. Do total, 24 mil casas serão disponibilizadas para compra e mil para locação. Desde 2017, mais de 7 mil unidades foram entregues e 73 empreendimentos estão em fase de obra – quando concluídos, disponibilizarão 15.319 moradias. Até 2020, a Prefeitura planeja também regularizar a situação de 210 mil famílias, entregando termos de posse ou quitação por meio do programa de Regularização Fundiária. Além disso, 27,5 mil famílias serão beneficiadas com o programa de Urbanização Integrada de Assentamentos Precários e outras 35 mil unidades habitacionais serão deixadas para o próximo governo.

As medidas tomadas pelo prefeito para a área da habitação estão sendo desenvolvidas para serem sustentáveis e duradouras. Para diminuir a fila habitacional, o investimento em obras deve ser pensado. Por isso, em outubro de 2019 foi sancionada a alteração da Lei do Fundo de Desenvolvimento Urbano (Fundurb), permitindo que o município destine parte da verba para a construção de unidades habitacionais. O Pode Entrar será o primeiro beneficiado com a mudança. A primeira fase do programa vai contar com um investimento de R$ 1 bilhão do município, que possibilitará a construção de até 10 mil unidades habitacionais. A quantia já é considerada a maior disponibilizada por cidades em programas habitacionais em todo Brasil.

#bilhãodacasaprópria #PodeEntrar

Notícia publicada em: 10 de fevereiro de 2020

Assistência Social, Habitação, Notícias

]