São Paulo recebe a 5ª edição do projeto “Samba com as Mãos”

Iniciativa da Prefeitura visa incluir pessoas com deficiência na maior festa cultural do país

Projeto disponibiliza vídeos com a tradução em Libras dos sambas-enredos das escolas de samba (Crédito: Divulgação Prefeitura)

Na cidade de São Paulo há aproximadamente 350 mil deficientes visuais e mais de 120 mil deficientes auditivos, e para que todos possam festejar o carnaval da maneira mais inclusiva possível, a Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência (SMPED), realizará este ano, a 5ª edição do projeto “Samba com as Mãos”. 

A iniciativa disponibiliza vídeos com a tradução na Língua Brasileira de Sinais (Libras) dos 14 sambas-enredos das escolas de samba do Grupo Especial de São Paulo, além da audiodescrição dos desfiles, diretamente do Sambódromo do Anhembi, pelas redes sociais da SMPED. O evento acontece nos dias 22 e 23 de fevereiro.

Nas edições anteriores, a transmissão nas redes da Secretaria recebeu a interação de deficientes visuais de outros Estados e países. Para o Secretário Municipal da Pessoa com Deficiência, Cid Torquato, “A atividade inclusiva é um grande estímulo para a participação deste público nas ações da cidade. Com o grande resultado obtido nas edições anteriores, queremos ampliar o projeto, e divulgá-lo para que mais pessoas participem e se emocionem”.

#spparatodos

 

Notícia publicada em: 12 de fevereiro de 2020

Cultura, Notícias

]