Prefeitura de SP fortalece medidas para garantir alimentação

Ações visam auxiliar principalmente a população em situação de vulnerabilidade social

Programa coletou e doou, entre março e abril, mais de 420 kg de alimentos nas feiras livres (Crédito: Divulgação Prefeitura)

Por conta do novo coronavírus, a Prefeitura de São Paulo intensificou as campanhas de doação de alimentos para auxiliar os mais afetados pela pandemia. O Programa Municipal de Combate ao Desperdício e à Perda de Alimentos, decretado pelo prefeito Bruno Covas em julho do ano passado, por exemplo, coletou e doou entre março e abril, mais de 420 kg de alimentos nas feiras livres.

Com a suspensão das aulas, a gestão decidiu destinar mais de 10 toneladas de alimentos que seriam utilizados nas escolas municipais, para o Banco de Alimentos do Município. O grupo é responsável pela doação de alimentos para as entidades assistenciais que fornecem refeições à população em situação de vulnerabilidade social e para os 38 Centros de Acolhimento da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social.

Além disso, o prefeito Bruno Covas lançou o programa Cidade Solidária, que visa melhorar a eficiência no atendimento das pessoas em situação de vulnerabilidade. A ação também busca incentivar a iniciativa privada e a população a doarem principalmente alimentos e produtos de higiene e limpeza. Entre março e abril, 2.500 cestas básicas foram cedidas à população, em parceria com o grupo Carrefour. 

Notícia publicada em: 4 de maio de 2020

Acessibilidade, Notícias

]